Algumas coisas que nos aguardam quando chegarmos aos 40 anos

Você está próximo dos 40 anos e isso te incomoda? Relaxe. Além do respeito e dos cabelos grisalhos que chegam com a meia idade, também chega uma nova liberdade. As pessoas consideram que você ganhou alguma sabedoria com seus muitos anos de vida na Terra, e é permitido que você fale e faça mais das coisas que gostaria.

Filhos auto-suficientes e a sua libertação: Quando chegamos à meia-idade, nossos filhos andam, falam, comem e se vestem por conta própria. Sua vida já não gira em torno do horário de alimentação e sono deles, e você pode finalmente levar a esposa para jantar naquele novo lugar enquanto deixa seus filhos em casa sozinhos, sabendo muito bem que eles farão uma festa para que você possa chegar em casa cedo e acabar com tudo. Isso faz parte do crescimento e é sua responsabilidade fazê-los perceber que ainda não podem ser mais esperto que você. Leve a sério. E é ainda melhor quando eles começam a fazer as tarefas de casa pra que você possa assistir futebol.

Deixar as pessoas falharem porque elas precisam: Quando alcança os 40, você já sabe o que funciona e o que não funciona. Você já sabe que a próxima grande febre do momento não será lá uma grande coisa. Já não cria tantas expectativas com as sensacionais novidades veiculadas na TV, ou discutidas amplamente nas redes sociais. Mas ao invés de falar para os seus filho essas coisas, deixe que eles descubram por si só. E aprendam com as experiências. Às vezes as pessoas precisam colocar a mão no fogo para se queimar. Alguém fez isso por você e te ajudou a ser quem é hoje. Faça isso também.

Encarnar o grosseiro: Homens de meia-idade aprenderam a se afastar dos idiotas porque não temos tempo suficiente na Terra para tolerar estúpidos. Não ficamos arrependidos e não ligamos para o que as pessoas pensam, e isso é mais libertador do que você imagina. Aos quarenta, você finalmente diz o que está realmente em sua mente sem se importar com as conseqüências. “O que eles vão fazer?” passará a ser seu mantra. Me julgue, filho. Eu estou fazendo exatamente o mesmo com você. É um privilégio inestimável que vem com a idade.

Um gosto pelas coisas boas: Para tudo que a vida tem a oferecer, você desenvolverá padrões e não se conformará com menos. Macarrão instantâneo e vodka de marca questionável podem ter sido bons na época da faculdade, mas não agora. Acampamento sem banheiro? Esqueça. Correr para o seu carro porque está chovendo? Isso é para os fracos com medo de se derreter com um pouco de água.

Um verdadeiro senso de profissionalismo: Não percebemos o que realmente significa ser um profissional até que nos tornemos um. O profissionalismo significa colocar de lado a emoção relacionada com uma situação, e usar apenas fatos para colocar algum idiota em seu lugar. Enquanto os outros se deixam levar pela raiva, medo, tristeza, frustração, o homem profissional fica calmo e deixa a experiência ser seu guia. À medida que envelhecemos, a restrição e a tolerância diminuem, mas não deixamos nossas emoções tirarem o melhor de nós, porque isso não seria profissional – apesar de não darmos a mínima para quem ofendemos.

Mulheres maduras e experientes: Preciso realmente explicar isso?

Uma maior sensação de revolta contra o governo: Agora que você realmente tem algo que vale a pena proteger, você presta mais atenção ao que o governo está fazendo e como isso irá ou não afetar você. Aos vinte ou trinta anos, você poderia fugir votando em branco ou nulo, se autoproclamando apolítico. Mas então você se depara com os absurdos nos governos em todos os níveis e poderes, independente de você ter uma convicção partidária ou não. E é atingido em cheio com menos direitos e mais impostos. Então você percebe que é hora de vestir a armadura e ir pra guerra.

Uma valorização mais profunda pelos verdadeiros amigos e absolutamente nenhum desejo de fazer novos: Na meia-idade você não precisa de amigos. Ao longo de sua vida, você conheceu ótimas pessoas e isso faz com que você se torne relutante em conhecer pessoas novas, porque sabe que não dá pra comparar seus amigos do passado com as pessoas do presente. Seus amigos são seus irmãos e as chances de incluir um novo irmão ao seu clã são remotas.

Fonte: Mademan (adaptado)

 

2 comentários em “Algumas coisas que nos aguardam quando chegarmos aos 40 anos”

  1. Apesar da gente ter medo dos anos passarem tão rápido e inevitavelmente ficarmos mais velhos, a idade nos traz sabedoria e muitas experiências inesquecíveis. Muita história pra contar e muita coisa vivida. Passamos a nos sentir mais confortáveis com os imprevistos da vida e a aceitar as mudanças e perdas de forma mais madura! Que venham muitos anos 👏🏻👏🏻👏🏻

    Curtido por 1 pessoa

    1. Verdade Helô. E como a vida é pra ser vivida e curtida como ela é, temos que aproveitar a parte boa de todas as fases. Cada fase tem seu encanto único. Cada pessoa tem sua forma de viver o melhor da vida. Primeiro passo: auto-conhecimento. Segundo: Pôr em prática!

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s